biografia

Celson Cardoso Gavião (Xun’proh)

Autor(es): Rubens Abílio Gavião
Biografado: Celson Cardoso Gavião (Xun’proh)
Povo indígena: Gavião
Categorias:Biografia, Etnias, Gavião
Tags:

A HISTÓRIA DE XUN’PROH

Rubens Abílio Gavião[1]

Celson Cardoso Gavião (Xun’proh) tinha três filhos e era casado com a dona Perpetinha. Morou na aldeia Rubiácea e foi um dos guerreiros mais importante para a comunidade Gavião. Ele tinha uma estratégia histórica de luta que era a preparação dos jovens guerreiros para ser bons corredores, caçadores, pescadores e bons cantadores para as festas culturais do povo Gavião (Ayh’cop’catiji)

Celson Cardoso Gavião era quem organizava a comunidade, pois chamava a comunidade para o pátio, lugar onde todos se reuniam para diálogos e para realizar um trabalho coletivo como rochas, festas culturais. Além disso, foi conhecido por ser um homem rígido para as crianças. Quando uma criança desrespeitava as festas culturais ou se elas não respeitassem os mais velhos, ele ia para o pátio, chamava as crianças para uma missão. Ele mastigava a pimenta e chamava as crianças uma por uma e colocava a pimenta no olho e batia nelas para que aprendessem a respeitar e obedecer os mais velhos, respeitar as festas culturais na comunidade. Celson Cardoso Gavião faleceu no ano de 2004.


Notas

Trabalho Realizado na disciplina de Relações Interétnicas durante a V Etapa do Curso de Licenciatura Intercultural Indígena-UEMA em 2018.

baixar
biografia